Modelo de Currículo Perfeito: saiba como criar o seu!

Apresentar um currículo bem feito pode ser determinante para quem quer voltar ao mercado de trabalho ou conquistar um novo emprego. Mas antes de usar um modelo de currículo perfeito disponibilizado na internet, você precisa saber todas as informações que precisam constar nesse documento e quais nunca devem ser colocadas.

Com certeza, com um currículo bem feito, suas chances de ser chamado para uma entrevista de emprego serão bem maiores.

Como montar um currículo perfeito

Se a sua dúvida é sobre como fazer um curriculo, veio ao lugar certo. Aqui você vai encontrar todas as informações sobre o que colocar no curriculo e garantir um novo emprego.

Antes de mais nada, mesmo para os profissionais mais experientes, duas páginas é mais que suficiente para colocar todas as informações necessárias sobre seu histórico profissional. Mas não se preocupe se as suas informações não rendem duas páginas inteiras, esse é o máximo recomendado pelos especialistas na área.

Na hora de escrever sobre os cursos que fez, as empresas que já trabalhou, fique atento aos erros gramaticais, muitos recrutadores podem desconsiderar sua candidatura por causa deles.

Também é importante ressaltar que mentir sobre as atribuições, conhecimentos específicos ou cursos já realizados não é uma boa saída para conquistar uma vaga nova no mercado de trabalho, pois o recrutador poderá notar que não há veracidade nas informações e te desclassificar da seleção.

Por fim, confira todas as informações que são essenciais para colocar no currículo:

1-  Dados Pessoais

Na montagem de um currículo, as informações pessoais são indispensáveis. No topo do documento é necessário que conste seu nome completo, idade, estado civil e contatos. Além disso, coloque um endereço de e-mail atualizado e que passe credibilidade ao recrutador. Evite e-mails que tenham apelidos ou adjetivos que não sejam pertinentes.

2- Objetivo

O que colocar no objetivo do curriculo pode ser a dúvida de diversos candidatos a uma vaga de emprego, e colocar a informação correta nesse campo pode ser determinante para que o recrutador leve seu currículo para a próxima fase da seleção. Nesse campo você precisa colocar o cargo e área que pretende se candidatar. Preste atenção nesta informação, pois o objetivo precisa estar condizente com a vaga a qual você quer concorrer. O ideal é colocar apenas um objetivo, caso seja necessário, você pode mudar essa informação antes de enviar o currículo e alterar de acordo com o cargo que deseja.

Confira alguns bons exemplos de objetivo para colocar no currículo: Analista de RH, Estágio em Engenharia Mecânica, Analista Jurídico.

3- Formação Acadêmica

Insira o nome da Instituição de Ensino, curso,  data de início e término.

4- Idiomas

Aqui você pode preencher o nível de cada idioma, mas lembre-se que se for necessário para o cargo, você será testado e deverá comprovar o nível declarado.

5- Habilidades e Competências

Essa é uma das partes mais importantes na elaboração de um currículo. É através da descrição das suas habilidades e competências que o recrutador vai poder conhecer melhor o seu perfil e se ele se encaixa na vaga aberta, antes de chamar para a entrevista. Então, você pode colocar as suas habilidades e cursos pertinentes para que o selecionador se interesse rapidamente por seu currículo. Nesse campo você também pode colocar algumas características como: comunicação, liderança, negociação, flexibilidade, entre outros

6- Experiência Profissional

Nessa parte do currículo você terá a oportunidade de contar um pouco da sua trajetória profissional. Não se esqueça de colocar o nome das empresas, cargo e período em que trabalhou. Mas lembre-se de ser objetivo e sucinto, detalhes sobre o cargo ocupado podem ser mencionados na entrevista, caso o recrutador pergunte sobre eles. A organização dessa etapa deve ser da mais recente para a mais antiga.

O que não deve ter no currículo

Algumas informações não precisam constar no seu currículo, elas são desnecessárias para a primeira etapa da seleção e podem ocupar espaço do que realmente importa para o recrutador. Para te ajudar a montar o currículo perfeito, separamos alguns dados que são irrelevantes e até mesmo “proibidos”. Confira:

1- Documentos pessoais

Informações pessoais e de contato são indispensáveis, mas o número do seu RG, CPF ou CNH são desnecessárias. Essas informações serão solicitadas pelo departamento de Recursos Humanos no momento da contratação.

Caso seja relevante para a vaga, você pode mencionar que possui CNH e a categoria, porém sem o número deste documento.

2 – Foto

Caso a descrição da vaga em questão não peça, a foto não é necessária no currículo. Em alguns casos, a foto pode até mesmo atrapalhar as suas chances de conquistar a vaga em questão, principalmente se a ela não passar uma imagem profissional.

3 – Pretensão salarial

Outra informação que não deve constar, a menos que o recrutador peça por essa informação. Caso o recrutador solicite essa informação, você pode fazer uma pesquisa de valor médio de salárioas para essa vaga.

4 – Currículo Vitae no título

Essa prática era muito comum antigamente, o título CURRICULUM VITAE era colocado em caixa alta no topo do documento. Porém, o hábito foi abandonado. Atualmente, é mais comum que o nome do candidato coloque seu nome completo no topo, seguido de informações de contato e demais dados mencionados acima.

5 – Redes Sociais

Da mesma forma que os itens citados acima, os links para suas redes sociais só devem ser colocados se o recrutador solicitar na descrição da vaga. Caso contrário, não é necessário colocar em seu currículo.

6- Referências profissionais

Se o recrutador solicitar referências de chefes e colegas de empregos anteriores, você pode enviar essas informações em um documento à parte. Elas não precisam constar no seu currículo.

7- Erros gramaticais ou de digitação

Nós já falamos desse item no início do texto, mas é de extrema importância que seu currículo não tenha erros gramaticias ou de digitação. Se possível, peça para que outra pessoa revise seu currículo antes de enviar.

Por fim, agora que você já sabe tudo o que precisa e o que não deve ter no seu currículo, pode começar a elaborar o seu. Com as informações certas, dispostas da maneira correta, com certeza os recrutadores darão mais atenção ao seu currículo, aumentando suas chances de conquistar uma vaga de emprego em breve.

Editor do site

Cada integrante de nossa equipe carrega consigo uma valiosa coleção de experiências e habilidades singulares, culminando em um conjunto coeso que busca incansavelmente a excelência na criação de conteúdo. Nosso objetivo primordial é superar as expectativas, oferecendo aos nossos leitores uma experiência que não apenas enriqueça, mas também permaneça na memória.

Conheça Mais Sobre o Autor

Deixe seu Comentário

três + 6 =